#Tag Especial Dia dos Namorados: Meu Namorado Fictício



Hey amores e amoras!! Esse final de semana, mais precisamente nesse domingo, dia 12 de junho, se comemora o dias dos namorados suspiros, suspiros. E foi pensando nisso, que resolvi responder uma tag mega fofa, romântica e tudo a ver com a data. Espero que gostem e que tenham um ótimo dia dos namorados! ;)




Ahhhh, o amor! Não há nada mais bonito do que o amor... Principalmente se ele vier acompanhado, ou dentro de um bom livro, por favor! rs. Amor e livros são duas palavras e sentimentos que combinam de mais! Afinal, para nós leitores, o livro não é apenas um livro. É história, sentimento, é amor... Então, nada melhor do que comemorar essa data com aqueles que seriam são meus namorados fictícios. Ou, como eu prefiro, meus amorzinhos literários! haha. 

Bora conferir sem mais enrolação a tag de hoje? 


Essa tag foi criada pela Rachel Reads do Ray Kay Books. Mas eu vi no blog Leitora Voraz. A tag consiste em associar um personagem namorado fictício às categorias da tag. 

1. O namorado mais romântico.


Já começa exigindo do nosso coração essa tag! haha. Escolher o mais romântico dos meus amores é impossível! kk. Todos tem seu lado romântico, mas para a tag fico com Arthur de E Se Fosse Verdade. Um homem extremamente apaixonado que diante das situações mais bizarras, não desistiu de seu amor. Bom, romântico inveterado esse... Amo! 


2. O bad-boy misterioso que no fundo é bonzinho.


Literalmente bad-boy, literalmente bonzinho. É ele, só podia ser ele... Lucas Landon Maxfield! Além de ser um amor de pessoa, embora seja extremamente misterioso, tem muitos motivos para ser como é. Mas ainda assim, é um homem maravilhoso, corajoso, forte e lindoo! rs.



3. O namorado paranormal.


Gente essa pergunta é meio óbvia demais para quem me conhece. Okay, sinto muito ser previsível, mas... não dá para deixar o Cam de fora de uma tag como essa! #Sorry! haha. 
Cameron Briel é lindo, metido, perigoso e um anjo caído. Mas, tem um lado dele que é sinceramente emocionante! Sua prepotência mascara na verdade um coração partido e um amor condenado ao fracasso. Não tem como não amar esse anjo, literalmente falando, com pinta de bad-boy e coração de ouro... 


4. O namorado que você quer domar.


Pela Luz Dos Olhos SeusHa! Essa pergunta é a pergunta! haha. Um namorado que eu queira domar... Escolho o lindo, porém terrível, Claudio de Pela Luz dos Olhos Seus. Super ressentido com um acidente que mudou sua vida perfeita, para sempre, se refugia na beleza das mulheres e na sua tão amada ópera. Mas quem tem paciência e perseverança, para passar por cima de todo seu egoísmo e superficialidade encontrará uma pessoa linda! Cheia de amor, carinho e muitas mágoas para curar. Eu adoraria domá-lo! kkk.


5. O cara na friendzone.


Até agora, a pergunta mais difícil dessa tag! Nunca tinha parado para pensar nesse ponto. Mas se tem alguém com quem eu ficaria na friendzone para sempre, seria o Quentin de Cidades de Papel. Não porque eu não o veja como um cara para namorar, mas porque o que mais gosto nele é sua forma peculiar de encarar e ver a vida. Gostaria de trocar ideias e opiniões com ele. Acredito que seríamos ótimos amigos. 


6. Sua alma gêmea.

Ah vá! Que perguntinha mais difícil de responder minha gente!! Por favor, meus amorzinhos literários, não fiquem zangados. Todos vocês são um pouquinho amor da minha vida. Então, sem ciúmes! rs. Eu tento, penso e repenso, mas não adianta fugir! Sempre acabo voltando para esse personagem. Sem nenhuma dúvida, minha alma gêmea literária é o romântico, inveterado, doce e surpreendente, Peter Lake de Um Conto do Destino.  Não me canso de exaltar sua capacidade de amar por séculos uma mesma pessoa, mesmo não se lembrando dela... Um amor que definitivamente, ganhou meu coração.


7. O namorado com quem você fugiria.


Essa foi super fácil! O primeiro personagem que me veio a mente e com quem eu fugiria de olhos fechados, é o Hache, ou Step, de Três Metros Acima do Céu. Metido a bad-boy, pode ser perigoso quando está de cabeça quente. Mas tem um coração mega doce, que foi totalmente danificado por alguém de quem ele jamais esperaria. Um homem com uma história triste, mas com um coração capaz de se recuperar até das maiores perdas sem se deixar afundar na tristeza. 


8. O namorado com quem você se arriscaria a ir a qualquer lugar.


Bom, essa é uma super pergunta. Afinal, isso implica em confiar extremamente nessa pessoa. Por isso, escolhi alguém que além de amar até a última palavra do segundo livro da duologia, do qual faz parte, sinto segurança. Outro que também não podia faltar nessa tag. 
Sim meus amores, estou falando de Adam Wilde. O lindo e adorável roqueiro de Se eu ficar e Para onde ela foi. Gente, o segundo nome desse homem deveria ser segurança. Mega seguro de si, até quando está sofrendo e sozinho, não perde a pinta de bad-boy ao velho estilo "não preciso de ninguém" kk. Mas no fundo, Adam é um menino. Um menino que perdeu o grande amor de sua vida e não consegue seguir em frente. Sua fragilidade fica visível apenas para quem tenta entender o que ele sente. E quando isso acontece... Ahhhh, é difícil de superar! kk. Sem nenhuma dúvida, iria a qualquer lugar com ele. 


9. O namorado que você gostaria que estivesse em uma ilha deserta com você.


Cinder é o escolhido porque... ele é perfeito! rsrs. Eu ainda me impressiono quando lembro que ele passa por poucas e boas nas mãos de seu pai sem se defender, mas é capaz de virar o mundo de cabeça para baixo quando se trata de sua amada Ella. Eu adoraria tê-lo comigo em uma ilha deserta, porque além de forte, lindo até demais para apenas um personagem!! Crueldade isso!!! haha, metido a bad-boy tá, já entendi, sou viciada no gênero! kkk, romântico, doce e gostar de ler, é também incrivelmente engraçado e tem o maior ego que eu já li na vida! haha. Nunca me cansaria de sua presença. 


10. O namorado fodão.

E chegou a hora da pergunta que não quer calar... 
Bom, eu acho que o mais fodão que eu conheço, na verdade pensei em três, mas escolho o Quatro.  Por alguns simples motivos. Ele parece não ter alma, é bom de briga e muito, mas muito esquentadinho rs. Isso no começo do primeiro livro. Quando o conhecemos melhor, entendemos o porque de tanta prepotência e superioridade. O cara é mandão, marrento, mas também é um homem de princípios, cheio de força, amor e coragem. Em alguns momentos eu tinha vontade de matá-lo, mas na maioria das vezes eu apenas conseguia torcer por ele. Por isso, Quatro, mesmo você sendo às vezes um chato de primeira, eu te amo um bocadinho! kk.

Mas e vocês, com quem passariam esse dia dos namorados? Quais são os seus namorados(as) fictícios? Vou deixar livre para quem quiser responder. Depois só passa aqui e deixa o link para eu dar uma conferida! ;)

Feliz dia dos namorados, reais e literários, e até a próxima!

2 comentários:

  1. Oi, Anya!
    Tadinho do Quentin, fadado a ficar na friendzone forever
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lu!
      O Quentin é um amor, mas eu tinha que escolher alguém para a tag! rs.
      Mil beijokas.

      Excluir

Quer me fazer feliz, ou curtiu a matéria? Comente! Sua opinião é o mais importante! Ah, deixe seu link que terei prazer em retribuir o carinho ;)

© Nome do seu Blog - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo